Synkron - Criando rotinas de sincronização de pastas

Ter um backup dos nossos dados, ou mesmo a replicação dos dados em um outro local, é de extrema importância hoje em dia não é mesmo? Para nos ajudar nisso e muito mais existe o Synkron, o sincronizador de pastas.

Synckron, é uma aplicação Qt que permite sincronizar pastas, ou seja, o conteúdo de uma pasta A é replicado em uma pasta B, ou várias pastas A, B, C, D, E podem ser replicadas numa pasta X. Synkron é um software multi-plataforma, ou seja, é executável nas platafomas:

  • Apple Mac OS X (Universal)
  • Microsoft Windows (Installer)
  • Linux/Unix (Source code, RPM, Ubuntu, Archlinux and ALT Linux packages)

É um software leve, que roda em com computadores com requisitos básicos de memória e processamento. Como dito nas especificações, é um software de código aberto, isso mesmo, qualquer um que se achar suficientemente bom em programação de software pode alterar o código fonte e deixar do seu jeitinho.

Veja mais algumas funcionalidades do Synkron:

  • Capaz de sincronizar várias pastas
  • Analisar pastas para mudanças antes de sincronização
  • Abas permitem que você tenha mais sincronizações rodando ao mesmo tempo
  • Sincronizações periódicas sincronizar automaticamente suas pastas em intervalos selecionados
  • Restaurar arquivos, que foram substituídos durante sincronizações
  • Adicionar arquivos e pastas a lista negra para se certificar de que eles não serão sincronizados no futuro
  • Faça horários e backup usando multisync
  • Synkron é Software Livre

Quer saber como configurar uma sincronização simples? Com essa poderosa ferramenta é fácil, vamos lá!

Passo 1) Baixe o software em: http://synkron.sourceforge.net/
Passo 2) Faça a instalação. (é basicamente next>next>finish)
Passo 3) Nesse primeiro momento, vamos realizar uma sincronização simples, da replicação do conteúdo de uma pasta A para uma pasta B.

Clique na imagem para ampliá-la.

Legenda:

3.1. Em Sincronizar você estará na guia onde fará uma sincronização simples de apenas um ponto para outro.
3.2. No item 2, você poderá dar um nome a sincronização.
3.3. No item 3, você irá selecionar a pasta origem, que será de onde virá os dados que serão sincronizados para a pasta destino.
3.4. No item 4, você irá selecionar o arquivo destino, ou seja, aquele que armazenará os dados vindo da pasta de origem. Lembrando que este destino poderá ser tanto em um pen drive como HD externo, ou alguma outra pasta qualquer do sistema.
3.5. No item 5, você poderá fazer uma análise de tudo que será sincronizado.

Ainda dentro de Sincronizar, na guia Avançado ao lado de Analisar, você pode setar algumas opções para a sincronização ficar do seu jeito. Veja:

Clique na imagem para ampliá-la.

Após ter feito as alterações em Avançado, basta clicar em Sincronização para começar o processo.

Passo 4) Agora vamos trocar de aba, vamos para Multisincronização.

Essa guia na verdade não tem muita diferença da Sincronizar, pois o que irá diferenciar uma da outra é que agora poderemos sincronizar várias pastas para um único destino. Veja:

Clique na imagem para ampliá-la.

Neste painel a diferenciação para sincronização comum é que agora temos como Adicionar varias pastas e sincronizar os dados para um único destivo.
Após ter selecionado as pastas, clique em Multi-Sincronização.

Passo 5) Na guia Ver sincronização você tem uma listagem de quantas sincronizações tem de Sincronização e Multi-Sincronização, e  te dá a opção de pará-las, continuá-las, editá-las, etc. Veja:

Clique na imagem para ampliá-la.

Passo 6) Agora que já sabemos visualizar as nossas sincronizações, vamos aprender a agendá-las através da guia Agendador. Veja a imagem e acompanhe a legenda logo abaixo, é bem fácil, vamos lá!

Clique na imagem para ampliá-la.

6.1. Clique em adicionar para adicionar um agendamento.
6.2. Selecione a sincronização criada anteriormente, do tipo Sync ou MultiSync.
6.3. Selecione uma data para realizar a sincronização.
6.4. Selecione os dias da semana que deseja a sincronização.
6.5. Caso não queira selecionar os dias, selecione apenas "o dia" em que deseja realizar a sincronização.
6.6. Clique em adicionar para salva a data agendada.
6.7. Clique em hora, para adicionar a hora em que a sincronização será iniciada.
6.8. Clique em adicionar para salvar a hora agendada.

Ainda nessa tela, ao lado da sub-guia Horários de Sincronização, tem-se Sincronizar Periodicamente. Veja:

Clique na imagem para ampliá-la.

Selecionando o tempo em "Sincronizar a cada X minutos", você está setando o intervalo de tempo que será feita uma sincronização, quando chegada a hora de iniciação setada no agendador de sincronização.

Passo 7) Toda sincronização quando é feita, é criado um espelho da sincronização na guia Restaurar e a ferramenta cria um ponto de restauração, parecido mesmo com o do Windows. Caso você subscreva alguns arquivos quando rodar a sincronização e quiser resgatá-los, basta clicar na guia Restaurar e selecionar a ultima sincronização desejada. Veja:

Clique na imagem para ampliá-la.

Dentro desta guia ainda, você terá a opção de:

1) Busca da restauração desejada.
2) Selecionar o diretório do arquivo e impedir a sincronização do arquivo novamente. (como se fosse um filtro).
3) Limpar os arquivos temporários.

Passo 8) Para criar regras do que pode ser sincronizado ou não existe a guia Lista Negra, que fará a seleção do que poderá ser sincronizado e o que será ignorado. Veja a tela:

Clique na imagem para ampliá-la.

8.1. Na primeira tela poderemos adicionar os Arquivos que não serão sincronizados.
8.2. Na segunda tela poderemos adicionar os Diretórios que não serão sincronizados.
8.3. Na terceira tela poderemos adicionar o tipo de extensão de arquivo que não poderá ser sincronizado. (Ex: .txt, .jpeg, .png, .gif, .docx, .bat, .rar, .exe.)

Passo 9) Na guia Filtros, você pode filtrar as extensões de arquivos que não deseja sincronizar. É muito semelhante á lista negra. Veja na imagem abaixo como criar um filtro.

Clique na imagem para amplia-la.

9.1. Para criar o filtro clique em adicionar e logo após dê um nome a ele. Clique em Ok.
9.2. Agora adicione a extensão que deseja bloquear e clique em Ok. Veja:

Clique na imagem para ampliá-la.

Esta é a poderosa ferramenta Synkron. É um recurso aparentemente simples, mas que vai muito além do que a sincronização de pastas, então use a cabeça e explore-a se puder!

Até a próxima!

Post Author: admin

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *